15/03/2018 09h30 - Atualizado em 28/03/2018 10h02

Correios

Concurso segue como reivindicação dos funcionários

A última seleção para carteiros e operadores de triagem e transbordo foi realizada há sete anos.

Ainda que a greve dos Correios tenha terminado, a abertura de novo concurso continua sendo reivindicada pelos profissionais da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos. Exige-se novo Edital, visando a ausência de servidores na empresa, que não procede um concurso para carteiros e operadores de triagem e transbordo há sete anos.

Dica: Estudar com antecedência aumenta em 50% a chance de ser aprovado.

"O déficit em nível nacional é de mais de 20 mil funcionários. Essa necessidade de pessoal vem gerando sobrecarga de trabalho e prejuízos no atendimento. Precisamos de novos concursos públicos. A situação é grave", argumentou o presidente do Sindicato dos Trabalhadores dos Correios do Rio de Janeiro (Sintect-RJ), Ronaldo Martins.

A greve, finalizada na quarta, 13, considerando uma decisão do Tribunal Superior do Trabalho (TST), era oposta às modificações no plano de funções e vencimentos; terceirização na área de tratamento, privatização da estatal, suspensão das férias dos trabalhadores e extinção do diferencial de mercado;

O manifesto trazia a crítica ainda do descumprimento da cláusula 28 do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT), que aborda a assistência médica da categoria; e a diminuição do salário da área administrativa. Além desses fatores, os profissionais requisitavam segurança na empresa e o final dos planos de demissão.

O TST trouxe a determinação de que os contratados devem pagar parte do plano de saúde e solicitou o retorno ao trabalho de 80% dos carteiros. A Federação Nacional dos Trabalhadores dos Correios (Fentect) decretou o fim da greve nacional no fim da tarde de terça, 13, mas continua em defesa de que o TST pode ter aberto um "precedente perigoso" para outras funções. O motivo é o desrespeito em relação ao acordo coletivo ao especificar o pagamento de uma parcela do plano de saúde pelos carteiros.

A Fentect avisou também para as portas fechadas de 2.500 agências dos Correios, divulgado pela empresa. Outros cenários alarmantes correspondem a função extinta de operador de triagem e transbordo. De acordo com a Fentect, essa ocupação, relevante para o movimento do fluxo postal interno, teve extinção no início de 2018, observando à terceirização nos Correios.

O dia da inscrição será informado no site www.concursos.com.br.  Acesse o site diariamente para não perder o prazo da inscrição.

Prepare-se com antecedência para o dia da prova. Solicite seu material de estudo em DVD. Pague quando receber por R$ 49,90. Devolva se não gostar.

Solicite seu DVD no formulário abaixo:

Nome Completo:
Cep:
Endereço:
N° da Residência:
Bairro:
Cidade:
Estado:
E-mail:

Correios

Correios

Nível Médio = R$ 2.885,37

O correios costuma abrir concurso de surpresa. Portanto, é preciso que os interessados já comecem a se preparar.

O último concurso ocorreu em 2011 trazendo vagas em diversas áreas.

O cargo de carteiro exige nível médio e tem salário inicial de R$ 2.885,37.

O Cargo de Atendente Comercial e Operador de Triagem e Transbordo tem salário de R$ 2.348,87 (Nível Médio).

As disciplinas cobradas no último concurso foram matemática, português e informática.

As inscrições para o concurso dos Correios ainda não foram abertas, mas até lá vamos atualizando todas as informações.

Prepare-se com antecedência para o dia da prova. Solicite seu material de estudo em DVD. Pague quando receber por R$ 49,90. Devolva se não gostar.

Solicite seu DVD no formulário abaixo:

Nome:
Cep:
Endereço:
N° da Residência:
Bairro:
Cidade:
Estado:
E-mail:
DDD + Celular:

CONTINUE LENDO...
Digite seu e-mail para continuar lendo esta notícia:
* E-mail:

Copie esta notícia e cole em seu site ou blog, citando a fonte:
https://www.concursos.com.br

Vídeo-Aula de Português - Para Concursos, Vestibulares e ENEM

© Copyright 2014 - 2019 Concursos.com.br