14/01/2019 20h21 - Atualizado em 15/03/2019 14h23

Receita Federal

Órgão enfrenta desvalorização e clama por concurso

A expectativa é pelo aval para um edital com 2.083 vagas, sendo 1.453 de analista-tributário (R$11.639,24) e 630 de auditor-fiscal (salário de R$20.123,53).

Sofrendo com a carência em seu quadro de servidores, a Receita Federal segue batalhando para conseguir realizar um concurso que amenize o déficit, enquanto convive com um cenário de desvalorização de seus serviços. Conforme alega o Sindicato de Analistas Tributários (SindReceita), a atuação do órgão tem sido limitada devido a falta de funcionários.

Antônio Geraldo de Oliveira, presidente do sindicato, alertou em um artigo os problemas que são enfrentados. Outra situação que agrava a fiscalização do órgão se deu por uma resolução da Anac, que determinou a inspeção obrigatória dos servidores que trabalham nas áreas de segurança dos aeroportos e afetou a agilidade das atividades da Receita Federal.

Ao final da nota, Antônio declarou esperar que a corporação seja devidamente valorizada e consiga autorização para concurso em 2019.

O decreto 9679, emitido no início do ano, que altera a estrutura regimental e o quadro demonstrativo dos cargos em comissão e das funções de confiança do Ministério da Economia tem efeito direto sobre a Receita Federal. O artigo 2º do documento remaneja cargos comissionados do Grupo-Direção e Assessoramento Superiores – DAS, as Funções Comissionadas do Poder Executivo – FCPE e as Funções Gratificadas – FG.

O artigo 4º do decreto exonera ou dispensa ocupantes de cargos comissionados dos extintos Ministério da Fazenda, Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços e Ministério do Trabalho. A medida, afirma o sindicato, prejudica protagonismo da Receita Federal e traz consequências prejudiciais para o órgão, para os servidores e para a sociedade.

Em meio aos problemas, a Receita segue a procura de conseguir aumentar seu quadro de servidores. Tramitou em 2018 um pedido de concurso para 2.083 vagas, 1.453 para analista e 630 para auditor. Uma reunião entre sindicato e Ministério do Planejamento tratou inclusive de tentar aumentar a quantidade de vagas da solicitação para 5 mil no total.

O documento, no entanto, acabou sendo arquivado no final de 2018 no extinto Ministério do Planejamento, assim como outras 26 solicitações de concursos para órgãos públicos.

O dia da inscrição será informado no site www.concursos.com.br.  Acesse o site diariamente para não perder o prazo da inscrição.

Prepare-se com antecedência para a prova. Solicite seu Material de Estudo em DVD. Pague quando entregar por R$ 49,90. Será aceita a devolução em até 7 dias do recebimento.

Solicite seu DVD no formulário abaixo:

Nome Completo:
Cep:
Endereço:
N° da Residência:
Bairro:
Cidade:
Estado:
E-mail:

Correios

Correios

Nível Médio = R$ 2.885,37

O correios costuma abrir concurso de surpresa. Portanto, é preciso que os interessados já comecem a se preparar.

O último concurso ocorreu em 2011 trazendo vagas em diversas áreas.

O cargo de carteiro exige nível médio e tem salário inicial de R$ 2.885,37.

O Cargo de Atendente Comercial e Operador de Triagem e Transbordo tem salário de R$ 2.348,87 (Nível Médio).

As disciplinas cobradas no último concurso foram matemática, português e informática.

As inscrições para o concurso dos Correios ainda não foram abertas, mas até lá vamos atualizando todas as informações.

Prepare-se com antecedência para a prova. Solicite seu Material de Estudo em DVD. Pague quando entregar por R$ 49,90. Será aceita a devolução em até 7 dias do recebimento.

Solicite seu DVD no formulário abaixo:

Nome Completo:
Cep:
Endereço:
N° da Residência:
Bairro:
Cidade:
Estado:
E-mail:
DDD + Celular:

CONTINUE LENDO...
Digite seu e-mail para continuar lendo esta notícia:
* E-mail:

Copie esta notícia e cole em seu site ou blog, citando a fonte:
https://www.concursos.com.br
© Copyright 2014 - 2019 Concursos.com.br